Quatro passos para votar nas eleiçoes de governadores na Venezuela

Infografia Julio Barrios

Caracas, 11 Oct. AVN.- As eleições de 23 novos governadores na Venezuela serão realizadas no próximo domingo, 15. Estão aptos a votar 18.094.065 venezuelanos, que vão exercer seu direito ao voto em quatro passos e apresentando um único requisito: o documento de identidade, vigente ou vencido.

O Conselho Nacional Eleitoral (CNE) realizará as eleições através da chamada ferradura eleitoral, que começa com a identificação do eleitor com seu documento de identidade e a impressão digital pelo Sistema de Autenticação Integrado (SAI), o voto na urna eletrônica, a colocação do comprovante da votação na urna de papel e a assinatura no caderno de votação.

Para facilitar a localização do eleitor serão colocadas nas paredes externas dos centros de votação listas com os documentos de identidade e o respectivo número da seção eleitoral. 

Após verificar as listas, o votante seguirá os seguintes passos:

1- O eleitor entregará o documento de identidade ao presidente da seção eleitoral, que indicará a um mesário que registre os dados no sistema e valide a informação com a colocação da impressão digital. O eleitor será consultado se sabe como votar e no caso que diga que não, o presidente da mesa lhe explicará. 

2- A urna eletrônica será ativada quando o eleitor estiver na frente da máquina. Ele exercerá seu direito ao voto ao pressionar o quadro onde aparece o candidato de preferência e em seguida deve marcar a palavra VOTAR que estará no final da tela.

Depois, deve esperar a impressão do comprovante, que deve ser verificado e dobrado.

3- Logo se dirigirá com o comprovante à urna de papel, onde depositará o documento.

4- Finalmente, se dirigirá com seu documento de identidade a outro mesário, que localizará o caderno de votação para que coloque sua impressão digital e assine.

Nessas eleições, como nos 21 eventos eleitorais realizados na Venezuela nos últimos 18 anos, as pessoas com deficiência e analfabetas podem votar acompanhadas de outra pessoa, que pode prestar assistência uma única vez.

O voto na Venezuela é facultativo.

11/10/2017 - 10:17 am