Presidente Maduro denuncia planos de magnicídio por parte do governo dos EUA

Foto: Presidência da República

Caracas, 21 Sep. AVN.- O presidente da República, Nicolás Maduro, denunciou nesta quarta-feira um plano de magnicídio orquestrado pelo governo dos Estados Unidos (EUA) com o apoio da direita nacional.

Maduro responsabilizou o dirigente opositor Julio Borges por qualquer atentado contra sua vida ou contra a estabilidade da República.

"Te responsabilizo (Julio Borges) de qualquer ato de violência que atente contra a República, ou qualquer atentado contra minha pessoa. Deram a ordem no Salão Oval de assassinar o presidente da República Bolivariana da Venezuela", afirmou o chefe de Estado no Palácio de Miraflores, onde se reuniu com governadores e candidatos revolucionários.

Borges é um dos principais promotores da campanha intervencionista contra a Venezuela. Nas últimas semanas, se reuniu com altos funcionários do governo dos EUA para promover a ingerência no país.

Além disso, a Assembleia Nacional – Poder Público que persiste no desacato constitucional– tem sido promotora de uma campanha internacional de descrédito contra a Venezuela.

Após estes encontros, o governo de Donald Trump intensificou os ataques contra o país, com a imposição de um aberto bloqueio financeiro contra a estatal petroleira Pdvsa –principal indústria dos venezuelanos– acompanhado de uma ameaça de invasão militar ao país caribenho.

Em 2014 – quando começou as ações violentas da oposição venezuelana –, o Ministério das Relações Interiores, Justiça e Paz capturou dois cidadãos colombianos integrantes da Operação "Carpeta Amarilla".

Durante esta operação, foram apreendidos dois fuzis e um foto do presidente Maduro, ao lado do dirigente socialista Diosdado Cabello.

Ação similar aconteceu em 2015,  quando foi frustrada uma tentativa de golpe de Estado, que seria executada por membros da Aviação Militar, com apoio de dirigentes da oposição e dos EUA. As autoridades denunciaram que o objetivo era bombardear o Palácio de Miraflores.

21/09/2017 - 07:25 am